sábado, 28 de abril de 2007

Pré-modernismo e Vanguardas Européias

Pré-Modernismo

  • Cronologia

*Momento de transição entre a tradição literária, séc XIX, e sua ruptura radical que inaugura o modernismo, séc XX.

*Início: em meados de 1902 com a publicação de "Os Sertões", de Euclides da Cunha.
*Término: 1922 com a realização da Semana da Arte moderna.
  • Principais escritores e obras do Pré-Modernismo
*Poesia: -Augusto dos Anjos - "Eu" -1912
*Prosa: -Euclides da Cunha - "Os Sertões" - 1902
-Graça Aranha - "Canaã" - 1902
-Monteiro Lobato - "Urupês" - 1918
-Lima Barreto - "Triste Fim de Policarpo Quaresma" - 1915

  • Os pré-modernistas preocupavam-se em denunciar a realidade brasileira, apresentando um Barasil não-oficial, dos marginalizados, desde o sertão nordestino até os subúrbios cariocas, passando pelas áreas rurais do Estado de São Paulo.
  • Apesar do Pré-modernismo não constiutir uma escola literária, por apresentar individualidades muito fortes, com estilos às vezes antagônicos - como é o caso, por exemplo, de Euclides da Cunha e Lima Barreto -, percebem-se alguns pontos comuns às principais obras desse período.

*Denúncia da realidade brasileira, negando-se o Brasil literário herdado do Romantismo e do Parnasianismo.

*Regionalismos: Norte/Nordeste com Euclides da Cunha; vale do paraíba e interior paulista com Monteiro Lobato; Espírito Santo com Graça Aranha; Lima Barreto retratando os subúrbios cariocas.

*Tipos humanos marginalizados: nordestino, sertanejo, caipira, mulatos e funcionários públicos.
*Ligação com fatos políticos, econômicos e sociais: Lima Barreto - governo de Floriano e Revolta da Armada; Euclides da Cunha - "Os Sertões", um retrato da guerra de Canudos; Monteiro Lobato - passagem do café pelo Vale do Paraíba Paulista.
*Ruptura com o passado com caráter inovador em algumas obras.

Vanguardas Européias
Em meio as mudanças que ocorreram durante o séc XIX e que transformaram, em vários aspectos, a sociedade, surgiram movimentos artísticos que questionavam o passado e buscavam novos caminhos. Entre 1907 e 1910, obras e manifestos já anunciavam o que seria a modernidade artística. Surgiram, dessa forma, as vanguardas. (séc XX)
O Cubismo: A valorização do presente.
  • Na pintura, decompunha os objetos da realidade cotidiana em diferentes planos geométricos para sugerir a sua estrutura gobal, como se fossem vistos de diferentes ângulos. O espanhol Pablo Picasso e o francês Georges Braque podem ser considerados os iniciadores desse movimento.
  • A literatura cubista valoriza a proposta da vanguarda européia de aproximar ao máximo os vários movimentos artísticos (pintura, música, escultura, etc.), preocupando-se com a construção do texto e ressaltando a importância dos espaços em branco e em preto da folha de papel e da impressão tipográfica. Valorizava também:
  1. subjetivismo;
  2. ilogicidade;
  3. o tempo presente;
  4. a enumeração caótica;
  5. humor;
  6. a construção;
  7. palavras em liberdade;
  8. invenção de palavras;
  9. substantivos soltos, jogados de forma anárquica;
  10. verso livre, negação da estrofe, da rima e da harmonia;
  11. negação dos verbos, adjetivos e pontuação.
O Futurismo: A valorização do futuro.
  • Movimento lançado pelo poeta italiano Marinetti, em 1909, que propunha a destruição do passado, a exaltação da vida moderna, o culto da máquina e da velocidade, pregando uma arte voltada para o futuro, agressiva e violenta, enaltecendo a guerra, o militarismo e o patriotismo. Preconizava-se também a destruição da sintaxe, com os substantivos dispostos ao acaso, a eliminção da pontuação e a abolição do adjetivo, do advérbio e das conjunções.
O Expressionismo:
  • O expressionismo moderno já se manifestava em obras de Edvard Munch (O Grito), Gauguin e Van Gogh, floresceu na Alemanha e teve seu melhor momento entre os anos de 1905 e 1920. Esses artistas já manifestavam expressões de medo, angústia, dor e ansiedade por meio do choque provocado pelas cores vibrantes, distorções e exagero de formas. As figuras humanas retratadas pelo expressionismo não tem traços bem definidos, pelo contrário, apresentam rostos e corpos distorcidos, assemelham-se a máscaras, a caricaturas. As cenas traziam aspectos que eram apelos às sensações do observador (que sente frio, calor, cheiros ouve barulhos, etc).
O Dadaísmo:
  • O movimento dadaísta foi iniciado pelo francês Jean Arp e o romeno Tristan Tzara, em Zurique, na Suíça. No momento, vivia-se a Primeira Guerra Mundial. Daí o caráter anárquico, anti-racional, antiburguês, antiimperialista, ilógico, absurdo e incoerente. Com isso, buscava-se uma antiare, irracional e anárquica. Daí o automatismo psíquico, as livres associações , a invenção de palavras, a exaltação da total liberdade de criação, o sarcasmo, a irreverência e a aproximação com o mundo dos loucos e das crianças.
O Surrealismo: A valorização do passado.
"Surrealismo s.m: Automatismo psíquico puro pelo qual se pretende exprimir, quer verbalmente, quer por escrito, quer por qualquer outra maneira, o funcionamento real do pensamento. Ditado do pensamento, na ausência de qualquer controle exercido pela razão, fora de qualquer preocupação estética ou moral."
  • No período que se seguiu à Primeira Guerra Mundial, surge, em grande parte derivado do Dadaísmo, o último dos grandes movimentos de vanguardas: o surrealismo. O primeiro manifesto aparece em 1924, assinado por André Breton, que havia participado das últimas rodas dadaístas.
  • Em Salvador Dalí, a influência de Freud é marcante. São temas recorrentes de suas obras: o sexo, a memória, o sono e o sonho.
  • Em resumo, o surrealismo tinha como características principais:
  1. Busca da emancipação do homem fora do lógico, da razão, da família, da pátria, da moral e da religião.
  2. Conferiam importância ao sonho e à exploração do inconsciente, praticando o automatismo psíquico e a experessão, libertada da censura e sem o controle da razão.
Rafaela B. Reis

22 comentários:

deh disse...

vlw rafinha
sempre q quiser pode passar aqui viu!!
kiss

crystyanne disse...

esse assunto foi demais!!!
me ajudou e muito. espero que vcs n parem por ai ta.
vlw!!!

Beto disse...

uhu o/ valeu.

jamar disse...

muito bom ajudou bastante vlw

Anônimo disse...

mtoooo obrigado me ajudou d+





;/

Anônimo disse...

Fico muito grato pela ajuda que tive neste momento. Gostei muito do conteudo e pretendo voltar mais vezes a esse blog.
Um grande abraço.
Valeeeeeeeeeeeu!!!!!!!

Gean disse...

Thanks!!Me ajudou muito!!
hey ho let's go!!

<---- RotaSom -----> disse...

Muito Obrigado, me ajudou de mais. Vlw... Vc mandou bem!

Kah s2 disse...

muiito boom! valeuu! me ajudou muitoo! =D

lorenna disse...

muito legal, conseguir tirar minhas duvidas! estão de parabéns!

Rayanna disse...

muito bom ! me ajudou muito pra minha prova *-* obrigada

jessica disse...

uaaaaaauuuuuuuuuuuuuuu
maravilhosos
amei compreendi perfeitamente

Anônimo disse...

Texto totalmente resumido de bastante enteresse

Rosi disse...

Adorei consegui entender melhor essa materia porque é uma materia "chatinha" agora esclareceu...
vaaaleeeu

Anônimo disse...

muito bom brigadim gente boa!

Anônimo disse...

Nossa,gostei muito disso tudo Ahhiioo
boto fé...
Rsrsrsr(-_-)...

Anônimo disse...

vlw...Ajudou bastante...!!!
continue com esse trabalho!!!
vlw!!

Camila disse...

muito bom! obrigada

Anônimo disse...

good , very good .=)) prova amanhã de literatura , passei o dia todo lendo textos e mais textos , só agora vim perceber oq se tratava ;;

caras que escreveram isso . =) muito obrigado .

alzi disse...

po valeu hem!!!!!!
obrigada msm!!!

Anônimo disse...

Ajudou muito..vlw !

Maria Diana disse...

muit bom e muit detalhado o assunto... otimo de entender